SHARE
Renan Altamiro coloca titulo em jogo contra Bruno Nascimento. Foto: Facebook Bruno Nascimento
Renan Altamiro coloca titulo em jogo contra Bruno Nascimento. Foto: Facebook Bruno Nascimento

No próximo domingo, dia 26 de maio, o atleta Renan Altamiro, líder da equipe Altamiro Fight Club, fará a luta principal da vigésima edição do evento Biothai Stadium, realizado em Realengo, no Rio de Janeiro.

Altamiro, que coleciona diversos títulos em seu currículo, entre eles o Brasileiro de Muay Thai (CBMB), Sulamericano K1 (ISKA), Skaus Combat, e outros, desta vez colocará o título da categoria até 81 kg do Biothai em jogo. O adversário é um antigo rival que Renan conhece muito bem. Trata-se de Bruno Nascimento, que possui 34 lutas profissionais, sendo 27 vitórias e muitos títulos conquistados no Muay Thai.

Renan e Bruno já se enfrentaram duas vezes, ambas vencidas pelo atleta da Altamiro Fight Club. Porém, apesar do bom retrospecto, Altamiro, em entrevista ao “Showtime Fight News”, fez questão de não subestimar o adversário e apontou alguns perigos que seu oponente pode levar para o ringue.

“Bruno é um cara bem alto, que usa bem os teeps. Ele tem um cotovelo que joga com muita força, e esses são os perigos dele.” Afirmou o campeão até 81 kg Biothai. “Eu tenho que estar bem esperto para não tomar cotovelada e conseguir chegar perto, não deixar ele me manter à distância, pois ele é um cara bem comprido e coloca bastante força nos cotovelos quando se aproxima. Acho que esse é o perigo que ele pode me trazer na luta.” Concluiu.

Além de ser um excelente lutador, Bruno Nascimento é também bem carismático. Possui quase 200 mil seguidores no Instagram e cativa muito bem o público com seus vídeos de humor voltados para o público do Muay Thai. Por conta disso, naturalmente ele atrai parte da torcida e o apoio do público, o que, aos olhos de Renan, pode servir como uma ajuda na hora da luta.

“Acredito que ajuda ele. A galera apoiando dá forças e motiva. Não acho que tem pressão. Ele é um cara que usa bem a internet e hoje em dia isso é bem importante. Queria eu conseguir fazer da mesma forma que ele. Mas cada um vem com seu talento natural de conseguir fazer isso e ele consegue. Acho que ajuda ele, deixa ele mais motivado.”

Apesar de ter vencido as lutas anteriores, Renan Altamiro segue disposto a evoluir a cada dia. Fugindo do risco de ser traído pela autoconfiança e a fim de se manter focado, ele destacou sua mentalidade que o faz melhorar a cada combate.

“Cada luta é uma luta. Não me preocupo se eu já o venci, eu treino para me vencer a cada luta. Eu tenho certeza que o Bruno vai me dar muitas dificuldades. Ele, como qualquer atleta que vai lutar comigo, se prepara muito. Eu coloco na minha cabeça e entendo que é uma nova luta, um novo formato, ele é um novo lutador e eu também, ambos evoluíram. Quero mostrar uma luta melhor do que a luta contra o Coppolo (última luta), porque eu luto para me vencer. Evoluir, crescer e melhorar.”

Renan Altamiro desfe chute em Vinicius Coppolo. foto: Instagram: @renanaltamiro

Ciente de que a luta já está bem próxima, Renan contou como anda sua preparação, condição e o que pretende fazer no combate.

“Minha preparação está sendo forte, como sempre. Eu me dedico muito, me esforço muito para cada luta. Certamente vou chegar pronto para buscar o nocaute do começo da luta até o final do quinto round, como sempre fiz. E vou na mesma de sempre. Começo e termino buscando o nocaute.”

Além de ser um grande campeão, Altamiro também é um excelente professor e formador de atletas. Entre seus pupilos se destacam Ramon Sayajin, Matheus Pinokio, Arnaldo Moska e vários outros que dominam o cenário do Muay Thai nacional. Mas, ao contrário do que se imagina, formar e treinar tantos campeões não atrapalha o desempenho de Renan dentro dos ringues. Segundo ele, seus próprios alunos o ajudam para suas lutas.

“Se um deles lutasse no mesmo dia, acredito que iria me atrapalhar. Mas como não, me ajuda. Eu faço a preparação com eles, corro junto, a gente treina junto e, felizmente, eu tenho atletas que são bons professores. Todo mundo me pergunta porque eu consigo continuar lutando, e é porque além de formar atletas eu formo bons professores, e eles conseguem me ajudar.”

Encerrando a conversa, Altamiro falou sobre um fato curioso que ocorreu em outro encontro dos atletas que acabou gerando uma mini polêmica nas redes sociais. Em comentários de um vídeo no Instagram, ele foi acusado de disparar um golpe ilegal contra Bruno. Renan nega.

“Já até fiz um story falando sobre isso, que a galera falou que é ilegal. Mas não é. Eu não tentei dar a cotovelada na nuca dele. Ele se posicionou de uma forma que eu não tinha muitos lugares para acertar. Para joelhada, a barriga dele estava muito distante porque ele estava encurvado. As costas, eu não tinha muito espaço porque ele é muito grande. Era a nuca, e eu tentei não bater de cima para baixo na nuca, ainda girei um pouco.” Explicou Altamiro. “Pode cotovelada na nuca, na coluna, na cabeça em qualquer outro lugar e de qualquer forma, é válido no Muay Thai profissional. Quem falou que é ilegal tem que estudar um pouquinho mais para saber a regra. Ele se colocou numa posição ruim e tenho certeza que se fosse eu no lugar dele, ele também daria da mesma forma e seria legal.” Concluiu.

Renan Altamiro e Bruno Nascimento se enfrentam no Biothai Stadium no dia 26 de maio, em Realengo, num card que conta com outros grandes duelos como George Filipe da “Team Carrera” enfrentando Derley Xuxa da “Hrg Team” na co-luta principal. Mais informações do evento na página do Instagram: @biothai.stadium.